Aeroporto Verde


Emissão de Carbono
Sobre o sítio MIA

Sobre o MIA

Aeroporto dentro da Cidade

Aeroporto Verde
Plano Quinquenal
Projecto verde
Emissão de Carbono

Companhias Aéreas

Parceiros do Aeroporto

Emissão de Carbono

O Aeroporto Internacional de Macau conseguiu cumprir com sucesso o seu objectivo de “reduzir as emissões de carbono por operação aérea em 20% em 2018 em comparação com o nível de 2012”. Com a implementação de várias iniciativas ambientais, este objectivo foi materializado em 2016. Em 2017, as Emissões de Gases de Efeito de Estufa (GEE) por operação aérea foram reduzidas em 28,7% em relação a 2012. A tabela seguinte mostra as Emissões de Gases de Efeito de Estufa ao longo dos últimos anos:

Ano Emissão Absoluta de GEE (toneladas) N.º de Operações Aéreas Emissão Relativa de GEE (toneladas/Operações Aéreas) Alteração em Emissão de GEE por Operação Aérea em comparação com 2012
2012 20582.79 41997 0.4901 N/A
2013 22072.31 48950 0.4509 ↓ 8.0%
2014 23374.09 52559 0.4447 ↓ 9.3%
2015 23356.13 55720 0.4192 ↓ 14.5%
2016 21139.26 56932 0.3713 ↓ 24.2%
2017 20451.93 58520 0.3495 ↓ 28.7%

Entre as formas de emissão de gases de efeito de estufa em 2017, o consumo de eletricidade contribuiu com 94.91%, as restantes foram constituídas por outras fontes de emissão como equipamentos refrigerantes, veículos e extintores de incêndio. O diagrama abaixo proporciona uma visão geral sobre as contribuições das emissões de gases de efeito de estufa em 2017.

Emissões (toneladas de CO 2 ) para cada tipo de Fonte de Emissão em 2017

Iremos continuar a promover e implementar mais projetos amigos do meio ambiente, com o objetivo de alcançar uma redução ainda maior das emissões de Gases do Efeito de Estufa no futuro.

Voltar ao topo

Voos Marcados